Notícias do setor

Busca por microapartamentos cresce no país, diz pesquisa

Extra, Ganhe Mais, 13/fev

Tamanho não é documento quando o assunto é a procura por um novo imóvel. As buscas pelos microapartamentos, de 10 a 35 metros quadrados, cresceram 16 vezes em 2017 em relação ao ano anterior, no Mercado Livre Classificados. O Rio a segunda cidade onde mais são procurados, perdendo apenas para São Paulo. Em geral, a pesquisa por imóveis teve uma alta de 129%.

Segundo o levantamento, no Rio, os bairros em que as pessoas mais desejam microapartamentos são Copacabana, Centro, Recreio dos Bandeirantes, Barra da Tijuca e Flamengo. O vice-presidente do Sindicato da Habitação do Rio (Secovi Rio), Leonardo Schneider, afirma que os apartamentos menores são uma tendência mundial, principalmente para jovens e idosos, que querem morar sozinhos e buscam imóveis em locais próximos de transportes públicos.

- Não procuram vagas de carro, é um perfil novo. Em São Paulo, há construções mais modernas, porque no Rio, é proibido construir apartamentos com menos de 40 metros quadrados e isso limita o mercado. Os interessados só encontram imóveis mais antigos nessas dimensões.

Envie para um amigo
Imprima este texto
 
 
 
 

webTexto é um sistema online da Calepino

Matéria impressa a partir do site da Ademi Rio [http://www.ademi.org.br]