Notícias do setor

A disparada dos imóveis

Exame, Visão Global, 14/jun

Sexta maior economia da União Europeia, a Holanda tem apresentado uma expansão expressiva. Em 2017, sua economia cresceu 3,2%, e a previsão é que o ritmo se mantenha em 2018. O desemprego vem caindo e chegou a apenas 3,9% em abril. Com o aquecimento da economia, no entretanto, surgem novos problemas. Um deles é o aumento dos preços dos imóveis, especialmente na capital Amsterdã. Desde 2013, o valor das residências subiu 20% no país. Nem relatório recente, o Fundo Monetário Internacional afirma que o aumento preocupa porque o nível de endividamento das famílias é um dos maiores da Europa, e sugere que o governo tome medidas para reduzir os riscos. 

Envie para um amigo
Imprima este texto
 
 
 
 

webTexto é um sistema online da Calepino

Matéria impressa a partir do site da Ademi Rio [http://www.ademi.org.br]