Projeto Porto Maravilha

Libera, Dilma

[

(O Globo, Ancelmo Gois, 05/mar)

Dilma, em seu discurso, sexta, na inauguração do Museu de Arte do Rio, na Praça Mauá, contou que esteve presa, no início de 1971, no prédio ao lado, onde funciona a Polícia Federal.

Foi a deixa para Eduardo Paes pedir a ela, depois, a cessão do prédio da PF para a prefeitura.

Segue...

O prédio, que ocupa quase um quarteirão, poderá se transformar numa praça ou ter um destino mais condizente com o Porto Maravilha.



Envie para um amigo
Imprima este texto
 
 
 
 

webTexto é um sistema online da Calepino

Matéria impressa a partir do site da Ademi Rio [http://www.ademi.org.br]